• Você está em:
  • Início
  • Sala de imprensa
  • A Global Exchange amplia sua rede de agências na Colômbia e no Brasil para poder atender a 14 milhões de viageiros
Sala de imprensa

A Global Exchange amplia sua rede de agências na Colômbia e no Brasil para poder atender a 14 milhões de viageiros

20 • 10 • 2015

  • Elevado a 8 o número de agências na Colômbia e a 9 no Brasil.
  • Até agora, investiu quatro milhões de euros nesses países e criou mais de 100 empregos.

 

Salamanca, 20 de outubro de 2015.- A Global Exchange, terceira companhia mais importante do mundo especializada em oferecer os serviços de câmbio em aeroportos internacionais e outras áreas de grande afluência turística, continua apostando pela Colômbia e Brasil em nível de expansão internacional, com a abertura de quatro novas agências nessas filiais.

Em concreto, a multinacional salmantina, abriu duas novas agências de câmbio no Aeroporto Internacional Tancredo Neves de Belo Horizonte, capital do estado brasileiro de Minas Gerais, e foi adjudicatária de outras duas sucursais no Aeroporto Rafael Núñez de Cartagena das Índias, na Colômbia. Dessa forma, a companhia conta com um total de 9 agências no Brasil e 8 na Colômbia.

As duas novas agências do aeroporto internacional de Belo Horizonte (Brasil) já oferecem uma variedade de moedas estrangeiras aos mais de 10 milhões de passageiros que transitam anualmente por ele e estão operativos as 24 horas. A Global Exchange, que desembarcou no Brasil a finais de 2014, com a abertura de 7 agências nos aeroportos de Brasília e Natal, investiu mais de 2 milhões de euros nessa filial desde que entrou no país, no qual já conta com 60 funcionários para oferecer seus serviços em três dos aeroportos mais importantes.

Colômbia contará com 8 agência de câmbio

Por um lado, a Global Exchange conseguiu ser adjudicatária da licitação para oferecer o serviço de câmbio no aeroporto de Cartagena das Índias, onde abrirá proximamente duas novas agências, uma na área de chegadas internacionais e outra na área de chegadas nacionais. As novas agências somam-se às duas que estão no centro da cidade caribenha. As novas agências colocarão à disposição dos quatro milhões de viageiros que transitam pelo aeroporto 20 divisas diferentes e serão atendidas as 24 horas do dia.

A Global Exchange entrou na Colômbia a princípios de 2015, com a inauguração de duas agências nos aeroportos de El Dorado em Bogotá e José María Córdova de Medelim, aos quais foram somando-se agências no centro da cidade e em shoppings. A companhia soma, assim, um total de 8 agências, 4 das quais encontram-se em três dos aeroportos mais importantes e conta com uma planilha de 50 pessoas no país. Desde que entrou na Colômbia, seu investimento total no país ascende a dois milhões de euros.

“Estamos muito satisfeitos com o recebimento e a trajetória que estamos tendo no Brasil e na Colômbia”, declara Isidoro Alanís, presidente da Global Exchange, ao mesmo tempo que destaca que “são dois países com um grande potencial turístico”. Alanís afirma que “a companhia está continuamente buscando novas oportunidades e destinos”. “Queremos estar onde o cliente nos necessita e oferecer para eles um serviço rápido, eficaz e profissional, pelo qual seguimos trabalhando para abrir novas agências nesses dois países, exclama.

A Global Exchange, com sede central em Salamanca, é atualmente a companhia líder em prestar o serviço de câmbio nos aeroportos da América Latina e Caribe, região à qual deu o salto no ano de 2001 e onde se encontram 12 de suas 15 filiais.

Mais informação:

comunicacion@grupoglobalexchange.com

Tel. 923 28 13 18