• A Global Exchange entrevistou mais de 6.000 viajantes.

• Mais de 51% dos entrevistados tem menos de 40 anos.

• Quase 70% dos clientes entrevistados ​​são homens.

Salamanca, 10 de abril de 2017. – Global Exchange, a multinacional Espanhola especializada em câmbio de moedas, segue mantendo seu foco no cliente. Conhecer suas necessidades é a chave estratégica da companhia Salamantina, cujo valor diferencial é oferecer um serviço de excelência, totalmente personalizado e orientado a cada cliente no câmbio de moeda. Para isso, a Global Exchange queria saber em primeira mão como é o perfil do viajante através de uma pesquisa com mais de 6.000 clientes em suas lojas em nove países. E o resultado? Os homens com uma idade média de 41 anos e nacionalidade norte-americana, são os que mais frequentemente fazem uso deste serviço quando viajam a turismo.

CONHECENDO O VIAJANTE

Não existe idade para viajar, mas se existe uma idade em que, ao menos, se troca mais dinheiro, é aos 41 anos. Esta é uma das conclusões do estudo realizado pela Global Exchange para definir o perfil da viajante que efetua câmbio de moeda no aeroporto. Além disso, a análise conclui que a média do viajante que usa os serviços de câmbio de moeda tem um perfil jovem: 51,69% dos entrevistados pela empresa espanhola, têm menos de 40 anos; 37,05% tem entre 40 e 60 anos, e o restante dos 11,26% têm mais de 60 anos. O homem norte-americano troca mais dinheiro.A pesquisa da Global Exchange, inclui 6.253 clientes em até 140 nacionalidades diferentes, predominando sobre as outras, os norte-americanos, com 36,25% do total. Os segundos que mais realizam câmbio nos aeroportos são os espanhóis (14,26%), seguido pelos franceses (5,55%) e brasileiros (4,37%). Além disso, o estudo realizado pela Global Exchange, também mostra que os homens são a maioria nas operações de câmbio realizadas. Especificamente, 69,59% em comparação com 30,41% de mulheres. Qual o destino do dinheiro?

Aqui a resposta é quase unânime: para turismo. Esse é o motivo que persiste na maioria dos clientes viajantes da Global Exchange, exatamente 61,91%. Em contrapartida, 16,58% dos entrevistados disseram que viajam por motivos de negócios ou profissionalmente, enquanto 10,12% viajam para visitar familiares e amigos.

 Com que frequência fazem cambio de moeda?

Além disso, a Global Exchange tem enfatizado na forma como gerencia seus clientes no câmbio de moeda, quando viajam para um país com uma moeda diferente da sua e quantas vezes efetuam câmbio de dinheiro. Aqui estão os dados que a Global Exchange encontrou, 44,7% de seus clientes fazem cambio de moeda ao menos uma vez por ano, enquanto 24% o fazem de uma à duas vezes por ano. São 18% os que fazem cambio entre 3 à 6 vezes por ano, e 12% usam este serviço mais de 7 vezes por ano. Ou seja, 30% dos clientes da Global Exchange realizam o câmbio de moeda mais de três vezes por ano, enquanto, 24% o fazem entre uma e duas vezes por ano.

Metodologia

O estudo da Global Exchange para conhecer o perfil do viajante, é baseado nos resultados cumulativos das pesquisas de seus clientes durante os anos de 2013, 2014 e 2015. A amostra abrange 6.253 clientes, em 9 países diferentes e 16 aeroportos internacionais.

Sobre a Global Exchange

Global Exchange é a primeira empresa multinacional espanhola e a terceira mais importante a nível mundial especializada em prestar o serviço de câmbio de moeda nos aeroportos internacionais e em outras áreas de grande movimentação turística. Fundada em 1996, em Fuentes de Oñoro (Salamanca) está presente no Brasil, Colômbia, Costa Rica, Dinamarca, Equador, España, Guatemala, Jamaica, Jordânia, Marrocos, México, Nicarágua, Paraguai, República Dominicana, Suíça, Trinidad y Tobago, Uruguai, Rússia e Austrália, através de uma rede de 235 lojas distribuídas em 55 aeroportos internacionais, nos cinco continentes. A empresa atende 4,8 milhões de clientes por ano e tem uma equipe de mais de 1.900 colaboradores, dos quais, 400 trabalham na Espanha.

Durante 2016 Global Exchange prestou serviços a quase cinco milhões de clientes em todo o mundo, quase o dobro do número em 2012. Os números das lojas e clientes seguem a mesma linha que sua conta de resultados. Em 2016, a Global Exchange completou seu Plano Estratégico 2012-2016, de quadruplicar o lucro antes de impostos, até 9,7 milhões de Euros.

Mais informação:

Paloma Mora: pmora@atrevia.com

Luis Rejano: lrejano@atrevia.com

Tel. 91 564 07 25